Sobre Nós | Entre em Contato | Cadastre sua Pousada/Hotel/Hostel

Verão em Florianópolis: como proceder em casos de queimaduras com água viva

Publicado por Júnior Silva | Categoria: Variedades

água viva

Agende seu passeio conosco:




Compartilhe
Share On Facebook
Share On Twitter

Verão, calor e praia em Florianópolis. Esses seriam os ingredientes perfeitos para as suas férias, não é mesmo? Porém, quando entramos no mar, estamos sujeitos a alguns incidentes, como por exemplo nos deparamos com as “temidas” águas vivas.
 
O ideal é sempre ficar de olho, e não se arriscar nadar perto delas, mas se você der azar e ser queimado por uma, não se preocupe, na grande maioria dos casos bastam alguns procedimentos simples e a dor logo vai embora. Confira:
 
1. Retirar os tentáculos
 
Os tentáculos da água viva devem ser retirados utilizando uma pinça ou palito de picolé, por exemplo, e a própria água do mar, porque a água doce pode estimular os tentáculos existentes a liberar mais veneno.
 
2. Aplicar vinagre
 
Aplicar vinagre diretamente no local atingido por 30 segundos, ajuda a neutralizar o veneno da água viva. Em nenhum caso se deve aplicar urina ou álcool na região pois podem agravar a irritação.
 
3. Colocar o local em água quente
 
Colocar a região afetada em água quente por cerca de 20 minutos, ajuda a aliviar a dor e a inflamação.
 
4. Aplicar compressas de água fria
 
Depois de adotar as medidas anteriores, se a dor e o desconforto se mantiverem, podem ser aplicadas compressas de água fria na região queimada.
 
A dor e o desconforto normalmente melhoram após 20 minutos, no entanto, pode ser necessário até 1 dia para que a dor desapareça completamente. Nesse período, é recomendado tomar analgésicos ou anti-inflamatórios, como Paracetamol e Ibuprofeno.
 
Passeios em Florianópolis
 
Ilha do campeche
Ilha do Campeche
 
O Destino Florianópolis é o mais completo porta turístico da Ilha da Magia, e faz o agendamento para diversos passeios. Clique aqui e confira >>



PRAIAS DE FLORIPA